Especial Copa e Olimpíadas

A escolha do Brasil como sede da Copa do Mundo em 2014 e dos Jogos Olímpicos em 2016 foi amplamente comemorada. Entretanto, o orgulho nacional e a paixão pelo esporte – traços culturais marcantes no País – têm sido usados numa armadilha contra a população, que sob o pretexto da preparação para os megaeventos, assistem distantes as decisões tomadas por poucos atores do governo, da iniciativa privada e das entidades ligadas à Copa e Olimpíadas em beneficio próprio.

Muitos problemas relacionados à forma como está sendo feita a preparação para estes megaeventos esportivos já estão aparecendo em diversas cidades brasileiras: são obras aprovadas sem licitação, ameaças de despejos de milhares de famílias, transferência de grande quantia de recursos públicos para pequenos grupos privados, intervenções realizadas na cidade que ferem as legislações de planejamento urbano e proteção ambiental, extrema falta de transparência e nenhuma participação do conjunto da população nas decisões que já estão sendo tomadas em nome dos jogos.

A Caros Amigos preparou um especial sobre este tema, com entrevistas para o site e uma reportagem para a revista de janeiro (edição 167). Confira abaixo as entrevistas do especial online:

>>ENTREVISTA RAQUEL ROLNIK: A professora da FAU-USP e relatora da ONU para o direito à moradia adequada explica que os megaeventos esportivos são uma estratégia que as cidades têm utilizado para promover transformações urbanísticas, aproveitando o “estado de exceção”para implementar intervenções sem debater com o conjunto da população.
>>ENTREVISTA CARLOS VAINER: Professor do IPPUR/UFRJ avalia que os megaeventos esportivos estão relacionados a um novo modelo de planejamento urbano em que a realização de negócios prevalece aos interesses do conjunto da população.

>> Leia também o artigo “Rio 2016: um jogo (olímpico?) de cartas marcadas”, de Carlos Vainer

>>ENTREVISTA ELIOMAR COELHO: O vereador relata que famílias de dezenas de comunidades pobres estão sendo removidas, com “requintes de crueldade”, pela Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro, sob o pretexto das obras de preparação da cidade para a Copa do Mundo de 2014 e Jogos Olímpicos de 2016.
>>EXPERIÊNCIA INDIANA: Assista ao vídeo sobre os Commonwealth Games realizados este ano em Nova Delhi, na Índia, com depoimentos de Miloon Kothari e Shivani Chaudhry, ambos da Housing and Land Rights Network (preparado especialmente para o seminário “Impactos urbanos e violações de direitos humanos em megaeventos esportivos”, realizado em novembro, em São Paulo).

Fonte: Caros Amigos, 12/01/2011, <http://carosamigos.terra.com.br/index/index.php?option=com_content&view=article&id=1346:especial-copa-e-olimpiadas&catid=127:noticias&Itemid=598&gt;.

Anúncios
Esse post foi publicado em Entrevistas e marcado , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s